sexta-feira , 22 outubro 2021

Santiago acendeu a Chama da Tradição

Santiago acendeu a Chama da Tradição
img_8990

Teve início na tarde de quarta-feira, a festa mais esperada pelos gaúchos, a Semana Farroupilha. A abertura oficial do evento em Santiago, aconteceu às 16h, no Largo Arthur Viero – Estação do Conhecimento, com o acendimento da Centelha da Chama Crioula e distribuição do fogo a todas as entidades tradicionalistas.
A Chama Crioula foi acesa no dia 12 de agosto, na Ilha do Fanfa (Porto Pedreira), no município de Triunfo, sendo que a distribuição para as 30 Regiões Tradicionalistas aconteceu no dia 13.
A distribuição para todos os municípios da 10ª RT aconteceu no dia 10 de setembro, às 9 horas, na sede campeira do CTG Invernada do Chapadão em Jaguari, onde estiveram presentes as comitivas de cavalarianos dos 12 municípios que compõem a região. A chama crioula foi acesa pela primeira vez no dia 7 de setembro de 1947 e representa, para o gaúcho e o tradicionalista, a história, a tradição, a alma da sociedade gaúcha, construída ao longo de pouco mais de três séculos.
Na Semana Farroupilha são realizados muitos bailes, eventos tradicionalistas, regados de muita comida típica do Rio Grande do Sul. CTGs, Piquetes e Clubes organizaram uma grande programação farroupilha, com apresentação de conjuntos já conhecidos e adorados pelos frequentadores das entidades tradicionalistas.
O CTG Coxilha de Ronda realizou na noite de terça-feira, 13, o seu tradicional baile do Bolo Frito, com a animação do renomado conjunto “Os Monarcas”, o CTG ficou lotado, mostrando que a tradição gaúcha supera qualquer tipo de crise.
O CTG Grupo Nativista Os Tropeiros, iniciou a Semana Farroupilha na quarta-feira, com um grande baile animado pelo grupo Rodeio. Todas as demais entidades tradicionalistas estão com uma grande programação, para comemorar o mês do gaúcho.
A Semana Farroupilha encerra-se no dia 20 de Setembro, com o Desfile Tradicionalista na Avenida Júlio de Castilhos, o qual reúne tradicionalistas de todas as idades. No ano de 2015, o desfile não foi realizado, por conta da doença do Mormo, este ano todos os participantes deverão estar dentro das normas, com os exames dos animais em dia.
Fotos: Carine Martins

img_8987
img_8992
img_9022
img_9027

 

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top