segunda-feira , 6 dezembro 2021

Alunos do interior sem transporte escolar

Escola 2

Os alunos das Escolas Estaduais de Ensino Fundamental do Boqueirão, Vila Branca, Primo Pozzato da Linha 8, Serafim Rosa da Tupantuba e Moises Viana da Vila Florida ainda estão sem transporte escolar, causando um transtorno no início do ano letivo no interior do município. Na Escola Estadual de Ensino Fundamental da Vila

Branca, dos 60 alunos matriculados na escola, 57 usam o transporte escolar, desses, apenas 18 estiveram presentes na quarta-feira, 18, quando teve início as atividades do ano letivo de 2015. Conforme a diretora da escola, Carla Monteiro Brandão, o ano letivo deveria ter iniciado no dia 26 de fevereiro, mas devido a esse impasse, as aulas começaram na quarta-feira, 18, sem o transporte escolar o que causa a falta de 75% dos alunos nas salas de aula. “Vamos ter que recuperar esses dias de atraso do início do ano letivo, com a redução do período das férias do meio do ano e ainda buscar outras formas para recuperar todo esse tempo”, comentou a diretora da escola.

Os poucos alunos que estiveram presentes nos dois primeiros dias de aulas na escola da Vila Branca, se deslocaram de moto, bicicletas, de carona em forma de mutirão com os pais dos alunos ou até mesmo de ônibus interurbano. Isso mostra o grau de dificuldade que os alunos estão enfrentando para poder estudar nesse início de ano nessas escolas do interior.

A redação do jornal A Folha entrou em contato a 35ª Coordenadoria Regional de Educação, e conforme informação do diretor administrativo, Rodrigo Goulart, o processo de licitação em caráter emergencial está tramitando na Secretaria de Educação do Estado, e no máximo na primeira semana do mês de abril deverá estar normalizado todo o transporte escolar das escolas do interior do município. No fechamento desta edição a informação era de que o transporte retorne na segunda-feira, 23.

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top