segunda-feira , 26 junho 2017

Começa prazo para declarar IR 2014. Saiba se você deve se acertar com o Leão

Começou ontem o prazo para fazer a declaração do IR (Imposto de Renda) de 2014. Os contribuintes têm até o dia 30 de abril para acertar as contas com o Leão. Confira abaixo quem é obrigado a declarar e quais são os limites de dedução. A Receita Federal espera receber neste ano aproximadamente 27 milhões de declarações. Em 2013, 26 milhões de contribuintes enviaram o documento.

O consultor tributário da IOB Folhamatic EBS, Antonio Teixeira, afirma que, antes de enviar a declaração, é aconselhável revisar todos os dados preenchidos, pois a Receita cruza as informações do contribuinte com os dados fornecidos pelas fontes pagadoras.
— Uma vírgula em um lugar errado pode levar o contribuinte a cair na malha fina. No ano passado, por exemplo, a omissão de rendimentos foi o principal motivo de incidência na malha fina.
Quem tiver dúvida no preenchimento da declaração, deve buscar ajuda da Receita Federal ou de um serviço especializado.
Novidades
As deduções (que podem fazer você pagar menos imposto ou receber uma restituição maior) subiram de R$ 1.974,72 para R$ 2.063,64 por dependente. Os gastos com instrução foram de R$ 3.091,35 para R$ 3.230,46. E a dedução com o empregado doméstico passou de R$ 985,96 para R$ 1.078,08.
A contribuição com a Previdência Complementar foi mantida em 12% do rendimento bruto. As despesas médicas continuaram sem limite dentro das regras do Imposto de Renda. As doações, como as realizadas com base no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), ficaram em 6%.
A Receita Federal também fornecerá em 2014 ao contribuinte a Declaração de Ajuste Anual Pré-preenchida, desde que a pessoa física possua certificação digital ou representante com procuração eletrônica.

Fonte: R7 – Notícias

Tiago Gorski

  • Coordenador do Curso de Ciências Contábeis da URI Campus Santiago.

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top