terça-feira , 26 maio 2020

Corsan realiza obra para evitar vazamentos e rompimentos de redes

O gestor da Corsan de Santiago, Lusardo Baldiati Parizi, está muito contente com a melhora na situação da barragem. Segundo ele, na manhã de quinta-feira, 14, o nível da barragem de Santiago, após a boa chuva está em 8,65 metros. Antes da chuva de terça-feira, a barragem estava com 6,50 metros e baixando devido a estiagem no Rio Grande do Sul, colocando em risco o abastecimento no município.

O nível normal da barragem é 10,20 metros, e segundo Lusardo, estão sendo feitos estudos técnicos para que a barragem seja ampliada de alguma forma já que, desde sua construção, com o crescimento da cidade, a demanda de consumo aumenta cada vez mais.

Lusardo informou ainda uma importante ação da Corsan. No final do ano de 2019, foi realizada uma obra de em frente ao 9º Batalhão Logístico, a qual aumentou a pressão e vazão de água para os Bairros Vila Rica e Guabiroba que sofriam com problemas frequentes de falta de água e, agora como complementação a obra é na parte baixa destes bairros, que vai da Av. Aparício Mariense até a Rua Alexandre Dri. Está sendo instalada uma válvula redutora de pressão, para diminuir a pressão no setor que estava muito alta. A referida obra se faz necessária para evitar vazamentos e rompimentos de rede.

Fotos: GNI Mídias Digitais/Blog Rafael Nemitz

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top