sábado , 25 junho 2022

Depois de oito anos Santiago volta a ter um grande time de futsal

Depois de oito anos Santiago volta a ter um grande time de futsal

Há um ano a SER Santiago vem se destacando no cenário gaúcho

Esta semana a redação do jornal A Folha teve o prazer de entrevistar alguns dos responsáveis pela equipe de futsal SER Santiago, Marcio Manente, Fagner Cassol e Dione Ferreira.
De acordo com Márcio Manente, presidente, Santiago ficou oito anos sem futsal, mesmo sendo uma cidade tradicional do esporte, a cultura do futsal foi resgatada no município no ano de 1996, sendo que em 2008, terminou. A equipe na época passou por grandes etapas, inclusive participando da Série Ouro, mas nunca conseguiu alcançar o seu objetivo.
Então, em 2008, passou a não existir mais futsal em Santiago e, foi neste ano que Márcio retornou a cidade e se adaptou ao futebol amador. Em 2016, surgiu novamente a ideia de trazer o futsal à cultura santiaguense, ideia da qual ele fez parte.
Segundo Márcio Manente, a equipe foi convidada a participar da Série Bronze, naquele ano, ficando em sétima colocação, no final do ano ele até pensou em deixar a equipe, porém a base da equipe trouxe ideia de se criar um novo projeto, com novas pessoas, novas mentalidades, resgatando pontos importantes da equipe que existiu nos outros anos, foi aí que surgiu a SER  Santiago – Sociedade Esportiva e Recreativa Santiago Futsal, “num primeiro momento foi desenhado o brasão,símbolo do time, o  segundo passo foi a montagem doestatuto e, a partir daí montou-se a diretoria”, comenta Márcio, ressaltando que tudo se formou aos poucos.
Conforme os entrevistados, o objetivo do projeto não era somente montar um time de futsal para disputar um campeonato e a ideia morrer, mas de a longo prazo, a equipe SER Santiago, subir para um campeonato na Série Prata e  brigar por um título, se fortalecer cada dia e chegar há uma série ouro.
Mas, para fortalecer o projeto, o grupo precisava buscar pontos fortes, ou seja, transparência e seriedade, para isso acontecer, foram montadas várias propostas na busca de melhorias e crescimento, entre elas o Clube de Vantagem, que funciona da seguinte forma: quem é parceiro e colabora com aSERSAN, como é carinhosamente chamada a equipe de futsal, todo mês ganha desconto entre os demais apoiadores.Projeto montado, foram surgindo parceiros, como é o caso do empresário santiaguense, Dione Ferreira, proprietário da loja Comercial Ano Luz, que além de apoiar a equipe, também faz parte da diretoria. Assim como o Fagner, gerente do Posto Pôr do Sol.
Para o presidente Márcio, o futsal não depende somente da área pública, mas também da área privada. A Prefeitura Municipal é uma grande apoiadora do esporte e o comércio também está abraçando a causa, assim como a Brigada Militar, que sempre está presente quando são realizadas as partidas da SER.
A equipe, mesmo tendo uma despesa altíssima, consegue manter um padrão e seguir firme a sua proposta, a equipe possui um escritório para fazer toda a contabilidade, existe um cadastro de colaboradores de da folha de pagamento, possui também um site profissional. Foi montada uma estrutura de loja, cujo espaço foi doado por Osvaldo Nicola. São 30 empresas que de alguma maneira colaboram para manter vivo o futsal em Santiago, hoje. Cada um que faz parte da diretoria do projeto da SER Santigo contribuiu com sua experiência, isso faz com que ideias novas surjam e os reflexos são vistos no desempenho da equipe, que a cada partida mostra o seu potencial.
Com o passar do tempo, a ideia é trabalhar com a base, sub 20, trazer mais atletas, dando oportunidades e fazer com que o público prestigie mais as partidas, as pessoas estão aderindo aos poucos, em média, 400 pessoas comparecem no ginásio para torcer pela SER Santiago. No intervalo das partidas, sempre é feita uma prestação de contas, quanto foi a renda, número de pagantes, o que nunca aconteceu na história do futsal santiaguense. Todo o trabalho da diretoria é transparente, os colaboradores e apoiadores sabem onde e no que estão investindo.
No final de semana passado, a SER Santiago enfrentou em casa a equipe Acesa de Charqueadas, foi uma partida de igual para igual, onde a o time santiaguense, usando de sua experiência, ganhou a partida de 8 x 4. A SER évice líder no seu grupo, junto com a equipe de Cerro Largo. No sábado, 02, terá outra excelente partida, contra o Cerro Largo e, a diretoria quer colocar 600 pessoas no ginásio para assistir e torcer, público que fazia parte das partidas antigamente, quando o futsal participou da Série Ouro.
“A SER Santiago é comunidade, é Santiago e, a ajuda de todos é muito bem vinda. Prestigie os jogos, isso deixa a partida ainda mais emocionante”.

Diretoria

Marcio Manente –Presidente
Dioni Ferreira – Diretor
Fagner Cassol – Vice-presidente/Tesoureiro
Cristian Dorneles – Financeiro
Jerre Adriano – Diretor de Futebol
Luiz Antônio – Diretor de Futebol
Juarez Naysinger – Diretor de Logística
Douglas Amarante – Diretor de Logística
Paulo Henrique Bandeira–Filmagens
Leonardo Míssio – Vice-presidente/Supervisor, que no momento não está atuando por questões profissionais, pois está atuando em outras cidades, ele era o antigo treinador da equipe
Vandré Monteiro – Conselheiro

Comissão Técnica:

Edson Pimentel – Treinador
Anderson Pedroso – Preparador Físico
JhonRamos – Preparador de goleiro
Diego Sampaio e Domingos Pinto – Roupeiros da equipe

Equipe de futsal SER Santiago

FORMULÁRIO DE RELAÇÃO DE ATLETAS E MEMBROS DE COMISSÃO TÉCNICA

ATLETA
APELIDO
POSIÇÃO
HIORRAN DE MATOS FRANCO HIORRAN GOLEIRO
VITOR MATEUS MARTINS BIAZI BIAZI PIVO
VAGNER RAMALHO RIGUES VAGNER FIXO
GUILHERME MACHADO CORREA MELÃO ALA
MAIKEL ELIAM TEIXEIRA VAZ MAIKEL PIVO
GUSTAVO MACHADO CORREA TAZINHO ALA
ANDRE DAISSON BIANCHINI DA SILVA DAISSON ALA
ROBSON DE OLIVEIRA JOVASQUE ROBSON ALA
PEDRO HENRIQUE GONÇALVES MULLER PEDRO HENRIQUE FIXO
ABDON DE MATOS VIEIRA JUNIOR ABDON ALA
CRISTIANO BONOTO CEOLIN TITOCO FIXO
JORGE LEANDRO SILVA DA SILVA LEANDRO GOLEIRO
RAFAEL GOMES AZAMBUJA CIPO ALA
DIOGENES ALEZANDRE TRAMONTINI DIOGENES PIVO
IGOR MACHADO TUSI IGOR PIVO
JEAN ISRAEL DA SILVEIRA JAPONES ALA DIREITO
PABLO DE OLIVEIRA MANZONI PABLO ALA ESQUERDO
CARLOS ANDRE DE O. SZTORMOWESKI CARLOS ANDRE GOLEIRO
MARCUS VINICIUS BORGES DE SOUZA VINI ALA
MARCELO LOPES MOURA MARCELINHO ALA
LUCAS DE BRUM LUCAS FIXO
RAFAEL MANZONI CAPETA FIXO
MATEUS MANZONI MATEUS PIVO
HENRIQUE DO NASCMIENTO FLORES RISADINHA ALA
LUIS EDUARDO DALPIAN CHAMICHUNGA ALA
EDSON PIMENTEL EDNHO TREINADOR
ANDERSON DA SILVA PEDROSO KADRON FISICO
MOISES F. SENTURIÃO MOISES AUXILIAR
JUAREZ ADRIANO FREITAS JUAREZ DIRETOR
MARCIO MANENTE MARCIO PRESIDENTE
DIEGO PIRES SAMPAIO SAMPAIO ROUPEIRO
JOSE DOMINGOS PINTO MINGO ROUPEIRO
JHON LUCAS RAMOS JHON P. GOLEIROS
FAGNER CASSOL FAGNER VICE
PAULO HENRIQUE BANDEIRA BANDEIRA DIRETOR

 

 

 

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top