quinta-feira , 15 novembro 2018

Equipe da Escola Geraldina é campeã do JERGS Estadual 2018

Texto: Carine Martins

Escola Municipal de Ensino Fundamental Geraldina Bitencourt Borges conquistou na manhã de domingo, na cidade de Bom Jesus, o título dos Jogos Escolares do Rio Grande do Sul (JERGS) 2018. Na final a equipe treinada pelo professor André Azevedo venceu a Emef Mário Quintana, de Porto Alegre, pelo placar de 6 a 4. Os gols foram marcados por Gabriel (2), Bruno (2), Deivid e Kauan.

Para falar sobre esta conquista inédita, o jornal A Folha falou com o treinador da equipe André Azevedo e também com a diretora da Escola Geraldina, Marta Frohnhofer Zambeli.

André Azevedo tem um espírito competitivo, e usou isto da melhor forma para trazer, juntamente com sua equipe, um título inédito na categoria estadual do JERGS, para Santiago. Segundo ele, no ano passado a equipe perdeu a competição, e isto os deixou muito tristes, mas a força de vontade e a ânsia de vencer foram maiores.

André prometeu que iriam competir e conquistar o título, mas para isto precisava de reforços, aí começou a batalha para buscar os meninos que jogassem e quisessem participar. Com a equipe montada e com reforços, foi o momento de treinar, aprender mais e buscar, todos unidos, o objetivo. André frisou que os meninos que fazem parte da equipe do futsal, além de fazer bonito nas quadras, são seres humanos especiais, dedicados, estudiosos e acima de tudo, unidos.

Mas, para quem pensa que tudo foi fácil, a conquista veio depois de muita luta, entre elas, quanto à infraestrutura da escola para treinar, já que a quadra está em péssimas condições, podendo prejudicar algum atleta. Outra questão é a financeira, porque são vários os gastos, mas graças a alguns patrocinadores, a própria escola e os pais, foi possível adquirir uniformes completos, tornando a equipe uma das mais organizadas da competição.

Para a diretora Marta Frohnhofer Zambeli, esta vitória é importante para todos os envolvidos, atletas, escola, professores, pais, pois o esporte educacional estimula a prática esportiva e mobiliza uma comunidade inteira e o JERGS faz com que isto ocorra. Segundo ela, muitos pais estão procurando matricular seus filhos na Escola Geraldina, porque assim é possível os filhos participarem da equipe que disputa a competição. Toda comunidade escolar está agradecida pelo empenho dos meninos que tem de 12 a 14 anos e competiram na categoria infantil, na modalidade futsal.

Agora os planos continuam, mas para disputar no ano de 2019, do campeonato brasileiro do JERGS, e segundo a diretora e o treinador, o mesmo trabalho dedicado, com foco, união e respeito será feito com a equipe de atletas, a qual não estará na mesma composição que venceu o JERGS Estadual 2018, por causa da idade.

É importante ressaltar, que o esporte, seja ele qual for, precisa de apoio. Desta vez podemos destacar os projetos direcionados ao esporte dentro das escolas municipais, como é o caso da Geraldina Bitencourt Borges, que há alguns anos busca a reforma de sua quadra, para que os treinos de seus alunos não precisem ser em outros locais, de forma emprestada. O esporte nas escolas do município precisa de apoio da administração pública, as escolas municipais precisam de um olhar mais crítico da administração de um modo geral, pois a escola forma cidadãos de bem.

A equipe da Escola Geraldina Bitencourt Borges que disputou o JERGS Estadual 2018, na categoria infantil é composta pelos alunos: Kauan dos Santos, Guilherme Huber, Nilton Flores, Michael Miranda, Karrison Flores, Deivid Silva, Gabriel Aguirre, Bruno Moura, Henri dos Santos e treinada pelo professor de Educação Física, André Azevedo, o qual teve apoio durante a competição de Daniel Pahim que é também o Gestor de Esportes de Santiago.

Foto: Carine Martins
Equipe ao lado da diretora Marta e do treinador André

 

Geraldina venceu Jogos Estudantis e trouxe o título para casa
Foto: Divulgação

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top