sábado , 22 julho 2017

Equipe do ESF São Jorge cria projeto de criação de repelente à base de citronela

Equipe do ESF São Jorge cria projeto de criação de repelente à base de citronela

Através de um projeto idealizado pela equipe do ESF São Jorge, tendo como coordenadora a Enfermeira Cristiane Magalhães da Costa, dentro das PICS – Práticas Interativas Comunitárias de Saúde, foram criados repelentes a base de citronela, uma planta que repele o mosquito transmissor da dengue entre outros insetos, proposta esta inseridana saúde e prevenção em relação ao combate do mosquito Aedes Aegypti.
Na manhã de terça-feira, a equipe do jornal A Folha acompanhou a entrega dos repelentes ambientais de citronela, criados pela equipe do ESF São Jorge, para os professores das turmas do Projeto de Turno Oposto Criança Feliz, que tem como Diretora Claudia Regina Schmidt Bravo.
Na oportunidade foram realizadas falas como forma de informação aos alunos e também aos professores, distribuídos panfletos mostrando a maneira de criar o repelente e também cuidados que a população deve tomar para evitar a proliferação do mosquito transmissor da dengue.
Após a entrega dos repelentes, os alunos foram convidados, a juntamente com a equipe do ESF e os professores a realizarem o plantio da citronela no entorno da escola. Todo o material usado na fabricação do repelente, foi adquirida com recursos próprios.
Foram distribuídas mudas de citronelas, para que estas sejam plantadas e em pouco tempo possa ser usada para a fabricação do produto. Cada um pode fazer sua parte, seja limpando os ambientes, evitando água parada, cultivando a citronela ou doando materiais, como frascos e até mesmo outros produtos que são usados na receita.

Texto e fotos: Carine Martins
Foto 1

Alunos do projeto juntamente com professores e equipe ESF São Jorge

 

 

 

Alunos realizaram o plantio da citronelaFoto 2

Foto 3 

Cristiane Magalhães, coordenadora do projeto e Enfermeira Coordenadora do ESF

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top