sexta-feira , 21 janeiro 2022

Idosa recebe três doses da CoronaVac em São Chico

Falta de atenção ou incompetência? Eis a pergunta para um caso inusitado que ocorreu em São Francisco de Assis.

Catarina Silveira, de 72 anos de idade, recebeu três doses da vacina CoronaVac, contra o Covid-19. A idosa recebeu a 1ª dose no dia 24/03/2021, a 2ª no dia 22/04/2021, e no dia 12/05/2021, ao retornar para receber a vacina contra a gripe, recebeu a terceira dose.

O caso teve grande repercussão e por conta disto, uma equipe do jornal A Folha e GNI – Grupo de Notícias Integradas foi até o município de São Francisco de Assis para conversar com dona Catarina. Durante a entrevista, a idosa contou que quando foi ao posto se vacinar contra a gripe não tinham outras pessoas no local, somente a equipe de saúde, ou seja, ela foi a primeira a chegar para receber a imunização, informou ainda que avisou que estava ali para fazer a vacina contra a gripe. Mesmo falando e apresentando a carteirinha de vacinação, onde estavam grampeados os comprovantes das duas doses de vacina contra a Covid-19, Catarina recebeu a terceira dose da CoronaVac.

Durante a entrevista ela contou como soube que tinha feito três doses da mesma vacina, “uma agente de saúde veio me trazer uma receita em casa e pediu para olhar a minha carteirinha e ali constava que eu havia feito mais uma dose da mesma vacina, CoronaVac, e eu entrei em pânico, pois moro sozinha, sou uma pessoa humilde. Não dormi aquela noite, me deu uma alteração muito forte no coração”, ressaltou. Segundo dona Catarina, ela teve até tonturas, sendo que veio a cair por conta disto.

Ao ser questionada se está recebendo algum atendimento da Secretaria de Saúde do Município de São Francisco de Assis, após receber esta dose a mais, ela respondeu: “eles estão dizendo que estão me dando toda a assistência, mas nem vieram aqui. Está tudo ok com eles, mas comigo não, porque emocionalmente estou muito abalada.

Dona Catarina contou que depois de ter recebido esta terceira dose de vacina contra Covid-19, começou a sentir falta de ar e que está com alteração no coração e muito nervosa com a situação.

Catarina Silveira deixa um recado para a Administração Municipal, “gostaria que a administração tomasse mais responsabilidade, que não nos deixem correr perigo com pessoas irresponsáveis que atendem com má vontade, fazendo que aconteçam coisas erradas”, finalizou.

 

Em contato com o secretário de Saúde, Leonardo Pilar, o mesmo não quis falar sobre o assunto, mas emitiu uma nota de esclarecimento, confira a nota na íntegra:

“Em relação ao fato ocorrido com a aplicação de uma terceira dose da vacina CoronaVac em uma senhora de 71 anos, esclareço que quando a equipe de vigilância em saúde do município tomou ciência do fato ocorrido, comunicou imediatamente a 4ª Coordenadoria de Saúde do Estado. Foram seguidas todas as orientações recebidas.

Reconhecemos que aconteceu uma falha técnica e saliento que todas as providências administrativas cabíveis ao caso estão sendo tomadas.

Nós todos estamos vivendo um momento que, enquanto seres humanos, nos deixa bastante frágeis. Deixo aqui o meu reconhecimento aos profissionais de saúde que após mais de um ano de pandemia continuam firmes, demonstrando tanta dedicação em meio a tantas adversidades, não faltando exemplos fortes e inspiradores de cuidado em todas as dimensões”.

Secretário Municipal da Saúde de São Francisco de Assis – Leonardo Pilar

 

É importante destacar que todos somos humanos e falhos, e no momento que estamos vivendo, a situação piora ainda mais. Mas, se faz necessário dizer que quando se trata de vidas, deve haver o máximo de cuidado, atenção e responsabilidade, para que situações como esta não aconteçam e não se repitam.

 

Catarina Silveira de 72 anos recebeu três doses da CoronaVac
Foto: Carine Martins

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top