quinta-feira , 16 agosto 2018

Ponte Júlio de Castilhos em Jaguari é liberada para passagem de pedestres e veículos

A ponte Júlio de Castilhos em Jaguari, que teve parte de sua estrutura rompida em maio de 2015, quando uma carreta bitrem tentou passá-la, foi liberada no final da tarde desta sexta-feira (25), para a passagem de pedestres e veículos. A liberação ocorreu após o fiscal do Daer-RS Gilberto Ganzer, responsável pela fiscalização da obra, dar parecer favorável para sua liberação, e entregá-la ao município. 
A obra de reconstrução da ponte centenária foi executada pela empresa paulista EcoPontes, num investimento de R$ 3,2 milhões oriundo do governo do estado, e que foi conquistado mediante convênio firmado em 2016 entre o governo gaúcho, via Daer-RS, e a prefeitura de Jaguari, no governo do então prefeito João Mário Cristofari (MDB) e aditado no governo do atual prefeito Beto Turchiello (MDB) . 
A queda da ponte em 2015 causou uma comoção geral na comunidade de Jaguari e região, além de prejuízos econômicos ao município, pois algumas empresas localizadas do outro lado do rio, no bairro Rivera, acabaram fechando as portas em razão da falta de ligação do bairro com o centro da cidade.
Tão logo recebeu o anúncio de liberação da obra pelo fiscal do Daer-RS, o prefeito de Jaguari Beto Turchiello (MDB), juntamente com seu vice-prefeito Lucas Cattelan (MDB), o presidente da Câmara de Vereadores Igor Tambara, lideranças do município e a comunidade, fizeram a primeira travessia da ponte reconstruída. Logo em seguida, também os veículos já começaram a passar na ponte Júlio de Castilhos.
Ao falar sobre a retomada da normalidade do trânsito entre o bairro Rivera e a região central da cidade, o prefeito Beto Turchiello destacou que estava se restabelecendo a normalidade na comunidade jaguariense.

Primeiros veículos fizeram a passagem na ponte.

Prefeito Beto lideranças do município fazem a primeira travessia na ponte reconstruída.

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top