segunda-feira , 26 outubro 2020

Profissionais dos Correios seguem paralisados

Profissionais que trabalham nos Correios, em Santiago, estão paralisados desde o dia 18 de agosto. A greve é nacional e não tem previsão de terminar já que a categoria foi prejudicada por descumprimento de acordo coletivo que venceu em 31 de julho. Segundo a categoria, o documento possuía 79 clausulas, porém a estatal, sem consultar os funcionários, removeu 70, afetando diretamente os funcionários.

A greve busca, exclusivamente, manter os benefícios conquistados pelos trabalhadores ao longo dos anos e durante a vigência do acordo coletivo.

Em Santiago, a paralisação afeta o Centro de Distribuição, na Rua Independência, responsável pela entrega de encomendas e, onde, 98% dos servidores aderiram a grave. A agência do Calçadão está funcionando normalmente.

A greve busca manter os benefícios conquistados pelos trabalhadores
Foto: Carine Martins

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top