sábado , 27 novembro 2021

Santiago recebe o Sistema Farsul em Campo

O Sistema Farsul iniciou um novo ciclo de interiorização. Com a proposta de estreitar ainda mais a relação com os Sindicatos Rurais, o “Sistema Farsul em Campo” irá realizar reuniões em todas as regionais da Federação apresentando o trabalho da Farsul, Senar-RS e Casa Rural e ouvindo sindicatos e produtores sobre questões que envolvam a região. Na quarta-feira, 24, o encontro aconteceu em Santiago, com integrantes da Regional 12.

O presidente do Sistema Farsul, Gedeão Pereira, abriu o encontro destacando qual o objetivo do sistema sindical, “estamos aqui para servir e não para sermos servidos”, afirmou. Uma novidade desta etapa é a participação da CNA em todo o roteiro. Nos encontros, que tiveram duração de um dia, o Senar-RS recebeu atenção especial. O superintendente Eduardo Condorelli, apresentou a nova estrutura da entidade, atividades de cada setor e o projeto de implantação da ATeG (Assistência Técnica e Gerencial) no início de 2020, com projeção de atender dez mil propriedades no estado. O economista-chefe do Sistema Farsul, Antônio da Luz, mostrou como funciona a atual política agrícola e apresentou a proposta de um novo formato, elaborado pela Farsul, adotado e ampliado pela CNA e bem recebida pelo Governo Federal.

Ainda compõe o quadro de apresentações, o protagonismo jovem e a formação de novas lideranças sindicais, a reinstalação das comissões da Farsul, a gestão jurídica das propriedades. A questão do 2,4-D e os oito itens da proposta elaborada pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEADPR). E o Deriva Zero, programa do Senar-RS voltado para orientação e treinamento de produtores e colaboradores na aplicação de agroquímicos para evitar a deriva.

Os comentários estão fechados.

Scroll To Top